Após dois meses seguidos de queda no índice de confiança, neste mês as expectativas melhoraram

O ICC (Índice de Confiança do Consumidor) avançou 3,5 pontos entre abril e maio, ao passar de 64,4 para 67,9 pontos. O resultado segue-se a quedas de 1,4 ponto em março e 2,7 pontos em abril. Com elevação de 5,3 pontos, o IE (Índice de Expectativas) registrou a maior alta desde outubro de 2011 e foi o destaque neste mês, chegando a 71,1 pontos. É o maior nível desde junho de 2015 (73,1). O ISA (Índice da Situação Atual) também apresentou ganhos, porém de apenas 0,8 ponto, atingindo 65,5 pontos. Os dados são da FGV (Fundação Getúlio Vargas).

“Pela primeira vez desde dezembro de 2013, o consumidor não está pessimista em relação à evolução da economia nos meses seguintes. Como o novo Governo não teve tempo para mudanças parece que o desfecho da primeira fase do processo de impeachment alterou positivamente o humor de uma parcela dos consumidores, talvez em função da percepção de redução das incertezas“, explica  Viviane Seda Bittencourt, Coordenadora da Sondagem do Consumidor.

 

Fonte: http://www.sm.com.br/detalhe/confianca-do-consumidor-sobe-em-maio