Atualmente, a companhia reaproveita mais de 99% dos seus subprodutos.

20170531_ambev_materia

 

Nos últimos cinco anos, a cervejaria Ambev, dona de marcas como Skol, Brahma, Antarctica e Guaraná, destinou mais de R$ 150 milhões para projetos ambientais em suas unidades. Com a ajuda desse investimento, segundo a companhia, ainda em 2015 a cervejaria bateu a meta global estabelecida para 2017 de usar ao máximo 3,2 litros de água para cada litro de bebida envasado. No último ano, a cervejaria foi ainda mais longe e chegou a 3,04 litros. A redução, em comparação a 2015, foi de 4,1%.

O aporte também serviu para reforçar iniciativas que fazem com a cervejaria praticamente não produza lixo. Hoje, a Ambev reaproveita mais de 99% dos seus subprodutos. O bagaço do malte e o fermento residual, por exemplo, viram ração animal, enquanto a terra infusória que seria descartada é utilizada como matéria-prima na fabricação de tijolos. Já o lodo proveniente das estações de tratamento de efluentes vira adubo orgânico.

Além do trabalho que já vem sendo feito para diminuir o impacto de sua operação no meio ambiente, a Ambev tem o compromisso de comprar 100% de sua eletricidade de fontes renováveis até 2025. O novo desafio faz parte de uma meta global, estipulada pela Anheuser-Busch InBev, grupo do qual a Ambev faz parte.

“A mudança climática é a questão mais urgente que o nosso planeta enfrenta e pode ser resolvida por meio de uma ação concertada entre governos, sociedade civil e empresas. Nós, da AB InBev, estamos empenhados em fazer a nossa parte”, afirma Carlos Brito, CEO da Anheuser-Busch InBev.

Link da Fonte: http://www.sm.com.br/detalhe/ultimas-noticias/cervejaria-ambev-investe-r-150-milhoes-em-projetos-de-protecao-do-meio-ambiente?dest=contato%40dalcenter.com.br&utm_source=akna&utm_medium=email&utm_campaign=NEWSLETTER%20SM_20170606&.